Imagine passar um década tomando seis litros de refrigerante por dia. Michael Sheridan, 32 anos, passou pela experiência e os resultados não são nada bons. Os dentes dele apodreceram e 27 tiveram que ser removidos em cirurgia que, caso não fosse realizada por um amigo, custaria mais de R$ 200 mil. Graças à amizade, Michael deixou os dentes pretos e podres, e ganhou uma dentadura novinha.

O caminho não foi fácil. Por conta do estrago causado pela bebida e dar dor que sentia nos dentes, Michael passou uma década se alimentando apenas com iogurte e sopas. “Eu sabia que se fosse ao dentista teria que parar de tomar refrigerante, e não queria”, contou ele em entrevista ao The Mirror.




Ajude seus amigos, compartilhe saúde!