A propagação de vírus e doenças contagiosas acontece de maneira muito rápida nas escolas e creches. Isso acontece, pois, as crianças ainda não possuem noções de higiene e então quando estão doentes, continuam mantendo muito contato físico, colocam a mão na boca, não lavam as mãos direito e outras manias que propiciam a propagação.

Entre tantas doenças contagiosas, uma em especial está causando um certo pânico entre as mães, a “mão-pé-boca” (HFMD, sigla em inglês). Causada pelo vírus Coxsackie, da família de enterovírus, a doença apesar de também atingir adultos, é mais frequente em crianças de até 5 anos de idade.

A HFMD pode ser transmitida via oral e fecal, por isso o contato muito próximo com pessoas infectadas oferece grandes riscos de contaminação. Mesmo sendo extremamente infecciosa, não é considerada uma doença grave. O corpo é capaz de expulsar o vírus dentro de 7 a 15 dias, e por esse motivo não há vacina, o tratamento é sintomático, realizado apenas com antitérmicos e anti-inflamatórios recomendados por um médico.

Caso apareçam sintomas como pequenas bolhas nas palmas das mãos e plantas dos pés, aparecimento de manchas na boca, amígdalas e faringe ou febre alta nos dias que antecedem o surgimento das manchas vermelhas na pele, procure um médico que irá realizar o diagnóstico completo e também as dicas para solucionar o problema da doença.

Ajude seus amigos, compartilhe saúde!